ISTAS HAL

Acampar de tenda: o que fazer?

Acampar significa estar em contacto com a natureza, quer seja numa zona de floresta, quer seja à beira mar ou à beira rio.  Mas esta experiência pode transformar-se num verdadeiro pesadelo se não for cuidadosamente planeada, principalmente para quem acampa pela primeira vez.

Quando usamos uma tenda há que ter em conta não só o local onde decidimos acampar, mas também garantir que nada fica esquecido.

Acampar sim, mas cuidado!

A essência do campismo é aliciante: contacto com a natureza, locais tranquilos, o cheiro a erva fresca, os pássaros a cantar, passeios ao ar livre, enfim todo uma experiência de relaxamento numas férias bem merecidas.

Contudo, nem tudo é um mar de rosas!

Se chove, de repente o chão transforma-se em pequenas lagoas, ou pior, lama!

Se há mosquitos, provavelmente eles decidem entrar na tenda e fazer-nos companhia!

É importante relembrar que, para acampar, é necessário material específico de campismo de forma a tornar esta experiência o mais agradável possível.

Onde acampar?

Em Portugal há uma oferta muito alargada de parques de campismo mas também pode optar por acampar no estrangeiro, desde Espanha até à Noruega ou Polónia. Não há distância limite. Tudo irá depender do número de dias que tem de férias e os kilómetros que quer percorrer

Para escolher, basta pesquisar previamente o local ou locais pretendidos  para poder delinear o seu itinerário.

Para Portugal aconselhamos a consulta do site http://www.roteiro-campista.pt, onde pode encontrar toda a informação que precisa. Esse mesmo roteiro pode ainda ser adquirido em formato de livro para estudar atentamente toda a matéria e, claro, levá-lo consigo!

Para Portugal e o resto da Europa aconselhamos a consultar o ACSI neste site http://www.acsi.eu/. E se estiver interessado, pode adquirir o cartão ACSI que vem acompanhado dos respetivos livros para melhor consultar todos os parques aderentes. Este cartão só pode ser usado em época baixa, mas basta uma ou duas noites para pagar o cartão. E, muitas vezes, a época baixa em alguns países na Europa começa já a 20 de agosto.

Pode igualmente adquirir o cartão “Camping key Europe”, consultando este site http://www.campingkeyeurope.com/. Este cartão dá direito a vários descontos em diversos parques, quer em Portugal, quer na Europa e inclui seguros.

Se a sua intenção é estar em parques com alto nível de qualidade (Hotelaria de Ar Livre), aconselhamos procurar parques de campismo nos seguintes sites:

Depois de escolher os locais e os parques, pode fazer uma reserva prévia ou não.

Nem sempre é necessário fazer reserva! Pode partir sem destino e escolher o(s) destino(s) ao longo da sua viagem. O verdadeiro espírito campista!

Contudo, em época alta corre sérios riscos de ficar à porta. Os parques podem estar cheios!

Preparar a viagem

Tendo escolhido o local, há que preparar o material necessário a levar.

O equipamento campista é bastante específico para uma aventura na natureza bem sucedida! Antes de fazer compras pergunte a amigos que já façam campismo, e peça conselhos.

O que deve ter em conta ao escolher o material é:

  • Tipo de tenda – ter em conta:
    • o número de quartos,
    • a altura da tenda
    • a facilidade de montagem
  • Saco cama e colchão – decidir:
    • que tipo de colchão será melhor
    • se é necessário lençóis, cobertor ou só saco cama
    • se precisam de almofada ou se já vem com o colchão
  • Louças/ mesas/ cadeiras
    • Convém serem resistentes e leves.

Existe muito mais material a ter em conta quando se decide acampar, por isso temos para si uma checklist que pode usar ao fazer as suas malas. Pode descarregar o documento AQUI .

Checklist:

O que levar?
  • Tenda
  • Base da tenda (lona)
  • Martelo
  • Espias
  • Cordas
  • Sacos cama
  • Colchão
  • Almofadas
  • Cadeado para fechar a tenda
  • Tapete para entrada na tenda
  • Extensão elétrica
  • Fichas triplas
  • Lanterna
  • Toalhas (mãos, banho)
  • Material de higiene (champô, gel)
  • Papel higiénico
  • Pá e vassouras (pequenas)
  • Sacos (roupa suja e lixo)
  • Mesas e cadeiras
  • Repelente de mosquitos
Vai cozinhar?
  • Fogão + botija de gás ou fogão elétrico
  • Mesa de suporte para o fogão
  • Pratos (raso e sopa)
  • Talheres (1 conjunto por pessoa)
  • Copos/ canecas
  • Tachos (1 pequeno e 1 maior)
  • Frigideira
  • Tigela para saladas
  • Colher de pau
  • Guardanapos de papel
  • Toalha para a mesa
  • Detergente e esfregão para lavar a louça
  • Bacia para levar a louça
  • Pano da louça
  • Sacos para o lixo
  • Geladeira ou arca frigorífica
Vai lavar roupa?
  • Detergente (para máquina ou à mão)
  • Balde
  • Cordas ou estendal
  • Molas
Lazer
  • Livros
  • Jogos
  • Rádio e pilhas                                                 

Chegada ao parque de campismo

Na maioria dos parques vai ter direito a um alvéolo (lugar demarcado). Há parques que se paga pelo tamanho do espaço que se ocupa e pelo que este tem para oferecer (pode ter água e luz).

Há outros parques que se paga de acordo com o tipo de equipamento utilizado: tenda, atrelado tenda, caravana ou autocaravana. Nesta opção as tendas são uma opção mais em conta, pois pagam menos.

Há parques que não têm lugares demarcados. Neste caso convém escolher o local que melhor se adequa a si:

  • Quero estar à beira das instalações sanitárias?
  • Quero estar num lugar com muita sombra?
  • Quero estar à beira da piscina?
  • Quero ter lugar para o carro?

Escolhido o alvéolo, terá o seu próprio lugar de estacionamento e espaço para montar a tenda. O valor cobrado é por noite e é calculado com base no número de carros, pessoas, tendas e serviço de eletricidade.

Hoje em dia, a maioria dos parques de campismo oferece uma variedade de serviços extra que, para além das instalações sanitárias, podem incluir minimercado, lavandaria, sala de jogos, sala de convívio, parque infantil e piscina, entre outros.

Agora é só montar a tenda e o equipamento 😉